Presidente do MDB Afro, Nestor Neto, assume também a presidência do CONNEGRO – Coletivo Nacional de Organização do Povo Negro

Aconteceu ontem, 21, na Assembleia Legislativa da Bahia, o ato de fundação da CONNEGRO – Coletivo Nacional de Organização do Povo Negro, entidade que se soma a luta da comunidade negra no Brasil na perspectiva de criar frente de políticas públicas voltadas para o anseio do Povo Negro.

Com um histórico de luta pela comunidade negra, o presidente do MDB Afro, Nestor Neto assumiu também a presidência nacional da CONNEGRO com a missão de dialogar com os espaços de poder sobre o empoderamento do negro no Brasil. “É preciso ter uma política séria que coloque a comunidade negra do Brasil na agende de prioridade. Não dá pra decidir sobre nós sem nós. É fundamental elegermos deputados federais, estaduais, prefeitos e construir, em um futuro próximo, uma candidatura de um negro ou de uma negra para a presidência da República”, afirmou.

Para Nestor, é necessário investir na criação de políticas públicas que incluam e representem de fato o negro. “O Brasil é o país mais negro fora da África, portanto, não podemos ignorar nosso povo. Precisamos elevar a qualidade da educação e da saúde, combater o genocídio da juventude negra, erradicar a fome e, sobretudo, aumentar a ocupação nos postos de trabalhos de altos escalões pelos nossos irmãos negros”, concluiu.

ASCOM PMDB da Bahia

Veja também

Deixe um comentário